Construção Civil: Problemas que impedem a sua Modernização

Entenda os principais motivos que impedem a modernização na construção civil.

Como sabemos infelizmente a construção civil é uma das indústrias que mais são resistentes a mudanças. Segundo pesquisas, nos últimos anos, a construção foi o setor que menos apresentou aumento na produtividade, ficando atrás da área industrial, serviços e de outros setores da economia, isto segundo a Farmer Review.

Este é um problema que acontece no mundo inteiro e especialmente no Brasil. A falta de modernização pode gerar falta de produtividade e, consequentemente, diminuição da competitividade no setor.

E para buscarmos novas soluções tecnológicas para a construção civil, primeiro precisamos identificar o que está impedindo a modernização do setor. Confira algumas das principais causas baixo:

1 – Poucos investimentos nos processos construtivos:

Existem sim bastantes dificuldades e uma relutância do setor em direcionar seu tempo e seus recursos financeiros para a inovação. A necessidade de adotar novas técnicas e tecnologias é mais aparente do que nunca.

A adoção de novas tecnologias e inovações poderá impulsionar todo o processo de gestão dos projetos e ainda resultaria na criação de uma força de trabalho mais ágil e produtiva.

2 – Poucos profissionais qualificados:

Segundo o instituto citado anteriormente, teremos uma queda de 20 a 25% no número de trabalhadores da construção civil nos próximos 10 anos. O motivo é que a maioria estes trabalhadores da construção civil não receberam treinamento adequado, o que torna as coisas ainda pior.

Esta deficiência na qualificação dos colaboradores se dá principalmente em técnicas modernas para o uso de tecnologias inovadoras.

3 – Muita perde de produtividade:

Como resultados dos dois motivos descritos anteriormente, os níveis de perdas de produtividade na construção são enormes. A construção civil possui perdas de produtividade devido à diferentes questão. Alguns exemplos são a incapacidade dos colaboradores de manter o plano inicial, desperdícios de tempo, recursos de comunicação confusa, mal organização, dentre outros.

4 – Baixo interesse e esforço para mudar:

A construção civil é um setor que está preso aos velhos hábitos, e isto pode ser perigoso. Sem sombra de dúvidas, este é um grande problema na construção civil, onde quase todos parecem presos às mesmas práticas de décadas e décadas atrás. Logo, é difícil possibilitar o surgimento de uma nova realidade dentro da indústria a partir da adoção de novas tecnologias e inovações.

5 – Pouca vontade em ser o primeiro é aplicar mudanças:

Podemos perceber que essa inércia continuará enquanto não houver ninguém decidido a conduzir essa mudança com a aplicação de inovações. Ou até mesmo provocar alterações nas estruturas existentes e, principalmente, na forma de pensar tecnologias no setor.

Muitos argumentam que deveria ser responsabilidade do Estado em tomar as rédeas da situação e oferecer incentivos para levar a construção civil para um futuro orientado para a tecnologia e inovações.

Gostou deste conteúdo?

50% LikesVS
50% Dislikes

Compartilhe este post nas redes sociais:

Posts Relacionados